Arquivo do mês: novembro de 2014

Glotocídio, glotocronologia e alguns outros blás blás blás

Publicado em Sem categoria | Com a tag , , , | Deixar um comentário

DO QUE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO DEVE SE ENVERGONHAR?

“A velhice ridícula é, porventura, a mais triste e derradeira surpresa da vida humana” Machado de Assis Memórias Póstumas de Brás Cubas   O “príncipe” anda indignado. Declarou ao O Globo que “sente vergonha como brasileiro” pelo que anda acontecendo … Continue lendo

Publicado em Sem categoria | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário

JUIZ-DEUS TEM PRECEDENTES

A esculhambação do judiciário e das “forças da ordem” no Brasil vem de longe. Qualquer historiador pode listar milhares – literalmente – de casos onde o “sabe com quem tá falando?” prevalece sobre qualquer coisa, e a polícia e o … Continue lendo

Publicado em Sem categoria | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

O QUE FEDE E CHEIRA NA OPINIÃO DO BILL WAACK E DO MERVAL PEARTREE

Esse Bessa não perde a deixa. Vejam só, atrasou a publicação de um texto sobe Guamán Poma de Ayala (aguardem, aguardem…) para nos divertir com as macaquices do Bill Waack e do Merdal (ops, Merval, desculpem) Peartree in The Enchanted … Continue lendo

Publicado em Sem categoria | Com a tag , , , | Deixar um comentário

A ILUSÃO DOS VIVOS

Aldísio Filgueiras, meu irmão, grande poeta de Manaus e da Amazônia, publicou hoje, no jornal Em Tempo, de Manaus, este poema magnífico. Viva o poeta, que sabe dizer o que sentimos e não conseguimos expressar.

Publicado em Sem categoria | Com a tag , | 1 comentário